Processando

Inovações em Redução de Risco de Desastres no Brasil

Nova mensagem
voltar

Inundações: uma questão econômica

O estudo realizado é resultado de um engajamento entre o Banco Mundial e o Governo de Santa Catarina com objetivo de promover o avanço da agenda de Gestão de Riscos de Desastres no estado. A proposta tem como pilar fundamental a Redução de Desastres e adaptação às Mudanças Climáticas, segundo a abordagem da exposição econômica e de ativos financeiros que podem ser afetados em decorrência de eventos climáticos extremos. A inovação envolvida no desenvolvimento do estudo permite uma série de potenciais aplicações para políticas públicas e decisões que podem aumentar a resiliência do estado aos desastres naturais.

O processo metodológico estabelecido abrange a produção de um modelo estadual de inundações para distintos períodos de retorno, usando informações hidrometeorológicas históricas e modelos digitais de terreno e de superfície. Para determinar a Perna Anual Média provável foram desenvolvidos modelos de exposição residenciais e não-residenciais para possibilitar a estimativa do valor das edificações e sua vulnerabilidade a eventos de inundação.

A equipe acredita ser a primeira vez que um estudo deste tipo é realizado no Brasil, podendo ter aplicações diretas para um grande número de profissionais e instituições em Santa Catarina.

Publicações

Estratégias de Desenvolvimento Econômico: Análise da Exposição de Santa Catarina sob o enfoque Mudanças Climáticas e Desastres Naturais

Produtos

Estratégias de Desenvolvimento Econômico: Análise da Exposição de Santa Catarina sob o enfoque Mudanças Climáticas e Desastres Naturais